Depressão — Como Combater o Domínio Dos Sentimentos Negativos Na Sua Vida

Depressão — Como Combater o Domínio Dos Sentimentos Negativos Na Sua Vida

Olá, queridos amigos.

Diariamente, você se sente dominado pelos sentimentos negativos? Parece até que a depressão roubou o controle da sua própria vida?

Então, chegou a hora de estudar e aprender a gerenciar as emoções. Só assim você poderá ser o protagonista da história que é só sua.

Confira todos os detalhes neste artigo!


Como nascem os pensamentos?

Você pode até não perceber, mas, a todo tempo, uma imensa enxurrada de pensamentos são criados dentro de si mesmo.

Isso é natural, já que para todas as situações, cada ser humano cria diferentes interpretações.

Além disso, há as opiniões e os julgamentos das pessoas que convivem conosco. Os dois fatores formam o que chamamos de visão de mundo.

O problema é que, com a depressão, essa percepção fica muito ruim e cinzenta.


A tríade: pensamentos, emoções e comportamentos

É fundamental entender um pouco mais de como age a nossa mente. Vamos lá!

O que acontece é que os pensamentos estão ligados às emoções e aos comportamentos. Os três pontos trabalham em conjunto e o tempo inteiro.

Na ordem cronológica, quem inicia a ação são os pensamentos que causam as emoções e que, por fim, interferem nas atitudes.

Sendo assim, o ponto focal para começar a se livrar da depressão é a substituição dos pensamentos sabotadores.



Mas, afinal, como começar a eliminar os sentimentos ruins e a depressão?

Uma das principais ferramentas para evitar pensamentos negativos e outras consequências da depressão é observar os seus pensamentos.

Vamos usar um exemplo: você precisa começar um novo dia, mas não sente vontade de levantar da cama, quer permanecer sozinho, trancado em um quarto escuro por achar que nada dará certo.

A transformação para esse caso seria pensar que, apesar dos desafios diários, você conseguirá levantar e viver o seu dia de forma satisfatória.

No dia a dia, então, procure observar todos os seus sentimentos e emoções. Anote tudo em um papel. Depois, analise como eles surgiram e o que você pode fazer para substituí-los por fatores positivos.

Com o tempo, você aprenderá a fazer isso automaticamente, sem nem precisar anotar.


Tenha ajuda profissional para tratar a depressão

Vale sempre lembrar que a depressão deve ser avaliada por um médico psiquiatra e por um psicólogo. Dependendo do grau do problema, o tratamento pode variar.

Busque informações e ajuda de bons profissionais, amigos e familiares e faça o exercício diário de transformar seus pensamentos.

Gostou deste artigo? Confira mais sobre o assunto aqui no blog Gestão da Emoção!