Extrovertido — Entenda Como Sua Mente Funciona

Extrovertido — Entenda Como Sua Mente Funciona

Olá, meu querido amigo e minha querida amiga.

Você se considera introvertido(a) ou extrovertido(a)? Tem tranquilidade para falar com as pessoas, inclusive com quem não conhece?

Como você pode imaginar, a timidez e a desinibição estão associadas a uma série de fatores. Muitas vezes, não basta que o indivíduo queira ser extrovertido para ter mais segurança, por exemplo. Leia o artigo para entender melhor!


O que é o perfil extrovertido e por que algumas pessoas são assim?

O extrovertido é aquele sujeito desinibido que se sente mais à vontade nos lugares por onde passa. Da mesma forma que os introvertidos, que são julgados por serem quietos demais, as pessoas desenvoltas podem ouvir críticas sobre o comportamento mais expansivo.

No entanto, é importante dizer que não há nada de errado em ser desinibido. Afinal, esse perfil encontra facilidade em algumas situações, como:


  • fazer amizades;

  • expressar o que pensa e sente;

  • animar-se em companhia ou sozinho;

  • lidar com momentos difíceis, incluindo reuniões de trabalho.


Na mente dessas pessoas, não existe motivo para deixar de aproveitar a vida na totalidade — o que inclui conversar bastante, dizer o que pensa e estar sempre aberto às novas possibilidades.

Além do mais, já foi comprovado que o cérebro do desinibido responde melhor quando assume riscos. Por isso, esses indivíduos tendem a se sentir confiantes, mesmo em situações adversas.



Quais são os desafios dos extrovertidos?

Lembra que pessoas com esse perfil se sentem mais confortáveis e seguras? Obviamente, isso é algo muito positivo, e que muitos desejam.

No entanto, é importante avaliar que o excesso de confiança também pode ser prejudicial. Uma pessoa que se sente 100% segura, por exemplo, pode deixar de se preparar para uma apresentação, pois acredita que conseguirá improvisar bem.

Desse modo, o indivíduo desinibido tem aspectos do próprio comportamento que pode melhorar. Enquanto os tímidos podem trabalhar o emocional para serem mais expansivos - e menos fechados -, os extrovertidos podem focar em características que podem estar em segundo plano, como:


  • observar o mundo à volta;

  • ouvir mais o que as outras pessoas têm a dizer;

  • prestar atenção nos detalhes;

  • planejar-se para as situações que envolvem falar em público, mesmo quando sabem o que irão dizer.


Quer saber mais sobre como a mente pode influenciar nas personalidades? Leia outros conteúdos da Academia da Gestão da Emoção!