Saúde Mental Durante a Covid-19 — As Emoções Mais Abaladas pela Pandemia

Saúde Mental Durante a Covid-19 — As Emoções Mais Abaladas pela Pandemia

Olá, meu querido amigo e minha querida amiga!

A saúde mental durante a Covid-19 foi um dos aspectos mais abalados, não é mesmo? O medo de adoecer, de perder pessoas queridas e de ficar sem dinheiro fizeram com que muitos se vissem angustiados e desesperançosos.

Talvez até você tenha, em alguns momentos, pensado nessas questões e temido pelo futuro. Porém, embora a pandemia não tenha terminado, eu te asseguro que é possível passar por situações assim e viver com mais tranquilidade.


Por que a saúde mental durante a Covid-19 foi tão abalada?

A saúde mental durante a Covid-19 foi abalada por diversos motivos. Além do medo da contaminação — que é algo natural — da doença, a população precisou ainda se isolar em casa, deixando de visitar pessoas queridas, passear, cuidar da saúde física e até trabalhar.

O isolamento social fez com que muitos se deixassem levar pelas informações. Por exemplo: há indivíduos que, assim que acordam, já pegam no celular e só largam o aparelho quando vão dormir de noite.

Eu já falei em outras oportunidades o quanto o uso excessivo do aparelho é prejudicial. Por conta do que estamos vivendo, isso pode ser ainda pior, uma vez que em todas as redes sociais e portais de comunicação o assunto principal é a pandemia.

Esse volume de notícias alarmantes aumenta ainda mais o medo da população. Ainda que a doença seja perigosa, e os cuidados sejam necessários, viver em constante ansiedade por conta disso também não faz bem.


Como evitar que as emoções se abalem pelas notícias alarmantes?

A primeira dica que eu dou aos meus pacientes é diminuir o uso do celular. Apesar de ser muito importante para as tarefas do dia a dia e para se comunicar com todos, é necessário impor um limite.

Ao se levantar de manhã, por exemplo, você não precisa pegar o aparelho imediatamente. A sua higiene pessoal e desjejum devem ser as prioridades para começar bem o dia.

Além disso, é necessário fazer uma gestão e filtragem de tudo o que é visto, ainda mais para preservar a saúde mental durante a Covid-19. Existem muitas notícias negativas? Sim, mas também há muitas histórias positivas sendo divulgadas. Sobre o coronavírus especificamente, o número de pacientes recuperados é muito maior do que o de vítimas fatais.

Então, por que focar no que pode te aprisionar e trazer angústia, se pode pensar no que dá esperança? E isso não só com relação a essa pandemia! Saiba como você pode transformar a sua vida e fazer de 2021 o melhor ano da sua vida!